Se Alguma Vez Precisares da Minha vida, Vem e toma-a © José Caldeira

Destaque

Nocturno

Joana Gama e Victor Hugo Pontes

Cine-Teatro Alba
Albergaria a Velha
25 de Fevereiro

Domingo às 17h00


Na imaginação das crianças, a noite é talvez o primeiro dos grandes mistérios. As sombras, o escuro, o silêncio, os barulhos da rua e os movimentos na casa propiciam pensamentos fantasiosos, muitos medos, algum fascínio. O universo infantil é ocupado pela ideia da noite como sinónimo do desconhecido, por um lado, e como possibilidade infinita, por outro. Terrores nocturnos, monstros de-baixo da cama, chuva forte que não deixa dormir, mas também sonhos alegres, histórias para adormecer, canções de embalar, mimos de boa noite, a luz da lua.
A noite é por definição um lugar fantasioso, e assim continua na idade adulta, associada à solidão, à insónia, ao desvio, mas também à intimidade e ao recolhimento. E por tudo isto a noite está ancestralmente ligada a um certo universo artístico,situado entre a melancolia e a transgressão.

CANAS 44
direcção

Victor Hugo Pontes

Casa da Cultura
Ílhavo
10 De Março

Sábado às 21h30

Neste espectáculo há uma personagem que chega e há uma personagem que parte. Uma quer construir uma vida nova e a outra quer partir para ganhar mundo. Em comum, o mesmo lugar, Canas de Senhorim, que nunca é mencionado e por isso, Canas é todos os lugares. Têm ainda em comum o número quarenta em quatro – anos de idade. A partir daqui constrói-se um universo autoficcional que especula sobre pessoas, lugares, ruas, que já não existem ou que estão em vias de desaparecimento, numa constante enumeração dessa memorabillia, como um movimento contínuo entre utopia e catástrofe, como se ressuscitar os mortos fosse uma forma de inscrevê-los na História.

Margem

Victor Hugo Pontes

Theatro Circo
Braga
19 de Abril

Quinta-feira, às 21h30

Margem tem como inspiração o romance de 1937 de Jorge Amado, Capitães de Areia, que retrata um grupo de crianças e adolescentes abandonados que vivem nas ruas de São Salvador da Baía, roubando para comer, e dormindo num trapiche – um armazém onde, como uma espécie de família, se protegem uns aos outros e sobrevivem a um dia de cada vez. 80 anos depois da publicação do livro, quisemos questionar quem são os novos capitães de areia, inspirando-nos na realidade social destas crianças, e conscientes de que nem sempre há finais felizes.

Imprensa

NOME pRÓPRIO

+

-

Contactos

Image
Morada

Rua Santa Catarina,

nº 686 2º andar

4000-446 Porto

Tel: + 351 934 428 744

E-mail: prod.nomeproprio@gmail.com

A Nome próprio é uma estrutura:

residente no Teatro Campo Alegre, no âmbito do programa Teatro em Campo Aberto.

Subscribe to our mailing list

* indicates required
Image
Image